Free songs

Viabilização e institucionalização do Centro Regional Integrado de Desenvolvimento Sustentável – CRIDES, como associação civil sem fins lucrativos, através do Projeto Maria de Barro com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O Projeto Maria de Barro é resultado e redefinição de um novo patamar -institucionalização- da tecnologia social construída a partir das experiências desenvolvidas pelo Programa Nazareno Verde. Esse processo expressa e importância de ações contínuas e o envolvimento de todos os atores na construção da sustentabilidade do desenvolvimento local. A sustentabilidade é buscada em uma perspectiva de longo prazo, em que a integração e o amadurecimento dos atores vão redesenhando os arranjos organizacionais e fortalecendo as instituições locais e regionais.

 Construções Ecológicas

Crides1Buscamos um modelo de desenvolvimento comunitário baseado na sustentabilidade social, econômica e planetária. Utilizando os recursos naturais sem esgotá-los, estaremos preservando-os para as gerações futuras. (ONU)
As Construções Ecológicas visam maior integração e harmonia entre homem, meio ambiente e construção, com o cuidado de gerar um mínimo impacto sobre a Natureza. Para isso, é dada preferência aos materiais regionais com baixo dispêndio de energia para extração e transformação (tais como terra crua, adobe, bambu, madeira certificada, pedra de mão). Os benefícios incluem um bom conforto termo-acústico, sem os poluentes internos e externos comuns à construção convencional, a economia de custos, através de dispositivos de aproveitamento da água da chuva e energia solar, e a responsabilidade ética com o tratamento adequado de esgoto.

Através do resgate de técnicas construtivas tradicionais como Chão Batido, Adobe, Cimento Natado e Pintura com Terra, contribuímos com a valorização e preservação do patrimônio histórico, cultural e artístico de Minas Gerais.

CRIDES – Centro Regional Integrado de Desenvolvimento Sustentável

Crides2O Projeto Maria de Barro tem entre seus resultados de destaque, pela aplicação de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), a viabilização e institucionalização do Centro Regional Integrado de Desenvolvimento Sustentável  CRIDES, uma associação civil sem fins lucrativos.

A própria construção de 1300 m2 (foto) está sendo uma atividade educativa voltada para a questão solo, pois técnicas tradicionais de construção utilizando a terra estão sendo resgatadas, capacitando as comunidades, e preservando as características do patrimônio artístico-cultural da região, conforme diretrizes do Departamento de Educação Ambiental do Ministério do Meio Ambiente para a implantação de Centros de Educação Ambiental.

A obra foi iniciada em agosto de 2004, num terreno de 7.mil m², doado pela paróquia de N. S. de Nazaré, no Centro da cidade.